quarta-feira, março 3

a poesia − estúpido − a poesia




a poesia − estúpido − a poesia
será ela que decidirá o seu destino
não é a economia
não é a política
não é a filosofia

a poesia − estúpido − a poesia
é a poesia que organiza as finanças
que define as relações sociais
que responde
às mais íntimas inquietudes humanas

a poesia − estúpido − a poesia
é a poesia que faz sorrir o seu amigo
que abre as pernas da amante
que produz vendavais
erupções vulcânicas
terremotos
tsunamis

a poesia − estúpido − a poesia
com a poesia você comprará um carro do ano
uma cobertura em paris
uma quinta em portugal
uma fazenda no pantanal
um gulfstream g550
um palácio em siena

a poesia − estúpido − a poesia
a poesia o tornará imortal
você se sentirá divino
fenomenal

a poesia − estúpido − a poesia
a poesia é manjar que não engorda
é doce que não enjoa
é elefante que voa

a poesia − estúpido − a poesia


Fred Matos

39 comentários:

Érica disse...

A poesia é mais, é bastião, aconhego e dor. Faz a minha cabeça, a tal.

Beijos

Fred Matos disse...

Sim, Érica, é mais, é muito mais, não cabe num poema. Faz a minha também.
Agradeço-lhe por vir, ler e comentar.
Beijos

Lara Amaral disse...

Escreve-se sobre ela, que fica escrita em todos os que nela desabrocham, amam, ou odeiam, escrevendo-a e rasgando-a. Não importa, ela está escrito do lado de dentro.

Gostei, Fred.

Beijo.

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Forte, pungente, preciso - como preciso é navegar e viver não... sendo um tiquinho mais ousado: "nem só de pão viverá o homem... ;)

Ana Paula Duarte disse...

Nossa, a poesia é tudo.
Ela está em tudo.
Ela é meu ar.!

Muito lindo seu poema, falar de poesia me alegra.
Parabéns.!

Mirse Maria disse...

Olá Fred!

Poderia ser um hino. Ao invés de"ÀS ARMAS, ÀS ARMAS"...soaria mais bonito: À poesia,à poesia!

Amei, porque sei que há poesia em tudo, até nas guerras.

Parabéns!

Beijos

Mirse

patricia disse...

la poesía puede estar en todas partes, aún donde las palabras no se manifiesten, la poesía puede impregnarlo todo...
gracias por el precioso regalo de tu poema!
un abrazo.

pimentar02 disse...

... sim, à poesia...

Poétesse disse...

Adorei descobrir o seu cantinho, não passei aqui uma hora ou hora e meia mas quase...

Não sei se a poesia me comprará fama ou fazendas em Portugal ou viagens a Paris, o único que eu sei é que a poesia me dá alimento e respiro... e já é tanto, não é mesmo?

Agradeço a sua adesão ao Corpo do Poema e convido-o a visitar também o meu outro blog Na Matriz da Palavra.

Um abraço
Um abraço

Fabio Rocha disse...

Putz, cara, a fase tá boa aí hein... ;)

Abração

Hercília Fernandes disse...

a poesia - Fred - a poesia...

...é tudo o que você não diz afirmando e diz negando nesse maravilhoso tratado poético.

Muito bom, Fred.

Bravíssimo!

Abraços,
H.F.

Hercília Fernandes disse...

Fred,

volto para dizer que lhe ofereci um poema lá no HF diante do espelho.

Não costumo oferecer textos, exceto quando realizo algum diálogo movida por alguma cor, sensação, paisagem, ideia... suscitada a partir da leitura de outrem. Porém, hoje compus novo poema e senti vontade de lhe ofertar. É isso.

Beijos,
H.F.

myra disse...

serà???? acho que é outra dimensao, muito mais bela...e para mim, é vida...como toda a arte com a maiuscula!
otimo, Fred, como sempre...abraço muito forte,

Fred Matos disse...

É isso, Lara, a poesia permeia tudo.
Agradeço-lhe por vir, ler e comentar.
Beijos

Fred Matos disse...

"nem só de pão viverá o homem..."

É impossível que viva, Francisco.

Agradeço-lhe vir e comentar.

Abração

Fred Matos disse...

Que bom, Ana Paula, como bom é receber a sua visita e comentário.
Obrigado.
Beijos

Fred Matos disse...

Soaria muito mais bonito, Mirse.
Obrigado, amiga.
Beijos

Fred Matos disse...

Eu que te agradeço, Patricia, pela leitura, comentário e presença constante aqui no blog.
Beijos

Fred Matos disse...

... sim, à poesia...

Sim, pimentar02

Agradeço-lhe a visita e comentário.

Abraços

Fred Matos disse...

Já estou acompanhando os seus blogs, Carmen, que são muito bons.
Fico contente que você goste do nas horas e horas e meias e espero que venha sempre.
Agradeço-lhe pelo comentário e por acompanhar o blog.
Beijos

Fred Matos disse...

Vamos levando, Fabio, vamos levando...
Agradeço-lhe pelo comentário.
Abração

Fred Matos disse...

Obrigado, Hercília, seu comentário é sempre muito importante pra mim...

E obrigado, sobretudo, pelo poema (que daqui a minutos estarei lendo).

Beijos

Fred Matos disse...

"acho que é outra dimensao, muito mais bela"

Certamente que é, Myra, mas o poema é uma metáfora destinada às pessoas que acham que nada pode ser tão belo quanto um jato executivo Gulfstream G550, e outros tantos signos de fortuna, alguns explícitos, outros implícitos no poema.

Obrigado, por vir e comentar.
Beijos

Graça Pires disse...

Sim, é a poesia, mas poucos entendem a vida assim...
Um poema que me tocou bastante.
Beijos.

Mariana Botelho disse...

como diria adélia: "a poesia me salvará"

beijos!

Fred Matos disse...

"Um poema que me tocou bastante."

Obrigado, Graça.
Isso me soa como a mais bela melodia,
que poderia ritmar uma poesia.
Beijos

Fred Matos disse...

Com Adélia eu nunca discuto, concordo sempre, como concordo contigo, Mariana, poeta da mesma água cristalina.
Sempre bom te ver aqui.
Obrigado, querida.
Beijos

Sandra Botelho disse...

A poesia somos nós a sermos o que nossos sonhos definem...Nossas ilusões, nossos voos mais malucos,é vida para quem a ama.
Bjos achocolatados

Fred Matos disse...

Chocolate é bom, quase tanto quanto poesia, mas é manjar que engorda e, portanto, exige parcimônia, diferente da poesia, que pode ser consumida em grande quantidade. (risos).
Obrigado, Sandra, por vir e comentar.
Beijos

Sonhadora disse...

Fred
Que linda e maravilhosa maneira de escrever poesia.
Lindo.

beijinhos
Sonhadora

Fred Matos disse...

Obrigado, Sonhadora.
Beijos

Sílvia disse...

poesia é vida

beijo :)

Adriana Godoy disse...

Fred, estupidamente bom. Beijo

Fred Matos disse...

É,sim, Silvia.
Grato pela sua visita, comentário e por acompanhar o blog.
Beijos

Fred Matos disse...

Estupidamente grato, Adriana, por sua leitura e comentário.
Beijos

Valéria disse...

Pelo visto, o melhor é investir em poesia!

BeijooO'

Fred Matos disse...

É um investimento com alta rentabilidade, Valéria.
Agradeço-lhe por vir e comentar.
Beijos

Ao vento disse...

perfeito

lindo

Fred Matos disse...

Agradeço-lhe, ao vento por vir, ler e comentar.
Ótimo fim de semana.
Beijos

pesquisar nas horas e horas e meias