quinta-feira, maio 20

roma



foto: Fred Matos


do alto deste palatino
desde os latinos se assiste
milênios de história
de tragédias, de glórias
da construção de um império
da lapidação de uma cultura

as fotos não revelam apenas ruínas
mas o eco dos tribunos nas esquinas
dos patrícios nos mercados de trajano
da lâmina assassina de brutus
da louca lira de nero
dos delírios de marco antônio

o leite da loba te amamentou
o delito, roma, contudo, te formou



Fred Matos

22 comentários:

dade amorim disse...

Pura verdade, Fred.
Mas a Itália tem uma beleza própria e fascinante.
E a viagem, muito boa, não?

Beijo!

Jenny Paulla disse...

a história é latente até no silêncio das antigas construções.
=D

Genny Xavier disse...

Caro Fred,
O tempo concentra suas marcas no viés da história...a memória dos dias fica impregnada em cada tijolo ou pedra, árvore ou rio e povoa nosso imaginário com as remotas ações do passado...
Belo poema.
Genny

Verónica disse...

¡ Bonitas palabras y fotografía ! debe ser un lugar maravilloso, que por desgracia no conozco.
Un abrazooo Fred

Carla Luma disse...

A história das civilizações é preponderantemente consequência de delitos. Os bonzinhos só entram na história como mártires, vítimas e santos, ou como figurantes. Os protagonistas são sempre os que ousam romper as regras, são os que não vacilam na hora do golpe que liquidará os adversários. A história de Roma é pródiga em episódios delituosos. Há na lenda sobre a fundação de Roma, por exemplo, o caso do rapto das sabinas que é tema de quadros e esculturas magníficas.
Segundo a lenda, a população de Roma era constituída só por homens, porque foi criada como refúgio para os banidos, exilados, assassinos, devedores insolventes e escravos fugidos de cidades das redondezas. Rômulo então organizou um festival em honra de Netuno e convidou os sabinos, um povo vizinho. No auge das festividades, os romanos raptaram as sabinas solteiras e viúvas, levando-as para Roma, tornando-as suas esposas.
Adorei o poema e a foto, Fredinho
meus beijos

patricia disse...

es impactante la fuerza y energía que posee Roma, con su historia increíble reflejada en cada rincón, allí por donde quiera que vayas!
un abrazo fuerte.

Elis Zampieri disse...

Matando saudades daqui!
Bjo, Fred.

Ziza disse...

Olá amigo Fred, muito obrigada pelo seu carinho em visitar o meu blog, vamos interagir e trocar experiencias e emoções com as nossas palavras e pensamentos.aum grande abraço. A amiga Ziza

tania não desista disse...

fred!
sensacional todas as postagens!
em cada imagem ..o nascer de um lindo verso!
bom pra todos...apreciamos encantados as belezas da terra distante.
no final de semana...seguirei a receita do pesto genovese...tenho manjericão fresquinho no sítio e o pinole não faltará!
a massa será degustada tal iguaria dos deuses...rsrsrsrs
bjo
taniamariza

Fred Matos disse...

Foi ótima, Adelaide. Superou as minhas expectativas porque cada cidade visitada tem características próprias que as tornam diferentes das outras. Diferenças às vezes tão acentuadas que eu me sentia como se viajando no tempo.
Grato pela visita e comentário
Ótimo fim de semana.
Beijos

Fred Matos disse...

É sim, Jenny.
Agradeço-lhe por vir e comentar.
Ótimo fim de semana.
Beijos

Fred Matos disse...

...a memória dos dias fica impregnada em cada tijolo ou pedra...

É isso mesmo, Genny. Repetindo o que disse na resposta à Adelaide: foi como se viajasse no tempo.

Grato pela visita e comentário.
Ótimo fim de semana.

Beijos

Fred Matos disse...

É maravilhoso sim, Verónica. Vá, se tiver oportunidade de ir, tenho certeza que não se arrependerá.
Obrigado pela visita e comentário.
Ótimo fim de semana.
Beijos

Fred Matos disse...

Obrigado pela aula, Carla. Eu conheço, até fotografei em Florença a escultura o “Rapto das Sabinas”, de Giambologna, mas ignorava o contexto histórico/mitológico que você nos trouxe.
Ótimo fim de semana.
Beijos

Fred Matos disse...

"...es impactante la fuerza y energía que posee Roma..."

Senti isso, Patricia. Roma é uma cidade onde eu moraria, conquanto não pense em sair do Brasil.

Grato por vir e comentar.

Ótimo fim de semana.

Beijos

Fred Matos disse...

É muito bom vê-la aqui, Elis.
Obrigado.
Ótimo fim de semana.
Beijos

Fred Matos disse...

Não tem que agradecer, Ziza. Sempre que possível eu a visitarei e as suas vindas serão sempre motivo de alegria para mim.
Ótimo fim de semana.
Beijos

Fred Matos disse...

"...tenho manjericão fresquinho no sítio e o pinole não faltará!..."

O pinole e o queijo pecorino (feito de leite de ovelha) são os ingredientes mais difíceis de encontrar, além de serem também os mais caros, mas estou entre as pessoas que acham que uma eventual extravagância sempre vale a pena.
Bom apetite!

Grato pela visita e comentário

Ótimo fim de semana.
Beijos

Zana disse...

Matando as saudades...e aqui sempre, tudo maravilhoso, fotos e poemas.

Beijos

Deia disse...

De pé, no meio do Foro Romano, não há como não se emocionar, e calar, diante do mundo de História (sem dúvida alguma, com H maiúsculo) que vemos a nossa volta. Lindo poema, Fred, parabéns! Um beijo e ótimo domingo, Deia

Fred Matos disse...

Obrigado, Zana.
Venha mais vezes.
Ótima semana.
Beijos

Fred Matos disse...

"De pé, no meio do Foro Romano, não há como não se emocionar..."

É isso, Deia, não há como não se emocionar.

Agradeço-lhe por vir, comentar e por acompanhar o blog.

Ótima semana.
Beijos

pesquisar nas horas e horas e meias